terça-feira, 17 de abril de 2012

"Desabafo: Acho que sou de outro mundo"

Esses dias estava pensando sobre as pessoas e como elas vivem em sociedade. Quando eu estava no primário [quinta série pra ser mais exato!] eu olhava para os mais velhos e ficava desejando crescer rapidinho para ingressar no ensino médio [primeiro ano do ensino médio, mais precisamente], pois aos meus olhos de criança, era uma fase escolar que causava muito status e privilégios. Meu irmão [Stiury] me causava uma certa inveja por estar alguns anos há minha frente.Bem, um dia sem nem mais nem menos eu cheguei lá! E foi uma merda! Nada aconteceu. Nem era divertido e não proporcionava nem uma vantagem sobre ninguém. Hoje descobri que quem agrega 'valor' á fatos e posições, sou eu mesmo.Este 'valor' não esta condicionado á nada nem ninguém, que não seja você mesmo.O tempo passou. E eu continuei fantasiando e dando valores para certas situações ou posições. Por exemplo, até hoje não me acostumei com o ambiente acadêmico. Minhas fantasias eram de pessoas ultra-inteligentes e com super habilidades especiais que teriam muitas idéias para mudar o mundo. E de professores mega-malucos-inteligentes que fariam muitas experiências com os estudantes para torna-los mais inteligentes.Imaginava cada pessoa com um 'dom especial'. Mas nem o dom da amizade, do coleguismo, da partilha, da inovação. Nada dessa baboseira existe [nem para passar a cola].O que vejo são pessoas normais. Que tem uma vida normal. E que só querem aprender aquele monte de conteúdo, acertar as respostas na prova e ir pra casa.
Não sei se foi uma boa ideia abordar este assunto! Mas como haviam outros assuntos envolvidos nesta questão, resolvi juntar tudo.Isso tudo só pra dizer que, mesmo sem ser, eu me sinto diferente de todo mundo que esta em minha volta.Na verdade eu me sinto estranho. Todas as pessoas tem uma forma, alienada ou emancipada, de viver. Porém, eu sempre fiz questão de fazer o contrário, logo o estranho sou eu! Eu vejo amigos, trabalho, família, vida, amor, enfim tudo de uma forma diferente.[chega de enrolar Mark, vai logo ao assunto].É o seguinte: eu não entendo as pessoas que ficam só por ficar, digo sem amor, sem nem ao menos conhecer a pessoa, tipo ir em uma festa e ficar com varias pessoas. Particularmente não sou assim, não gosto de ficar, e as vezes que fiquei foi por gostar mesmo da pessoa. Prefiro namorar sério mesmo! Mas parece que atualmente as coisas são diferentes [ou sou eu o diferente?]. Pra onde olho só vejo pessoas com atração pela aparência das outras, beijando outra pessoa sem amor... Será que sou muito idiota [diferente] por isso?
[Ainda continuo estranho!].

5 comentários:

  1. é estranho hoje em dia ser sincero quanto ao ficar... parece q as pesoas usam as outras para descarregar... e quem realmente ama nao usa seu amado. e ficar por ficar, fico so.

    ResponderExcluir
  2. não acho q vc esteja errado e muito menos os q ficam por ficar! cada um tem sua maneira de ser e de sentir! muitos ficam e logo em seguida as emoções podem brotar! pense nisto!

    ResponderExcluir
  3. Como saber o que se passa na cabeça das pessoas? Também não sou daqueles que ficam por ficar...
    Mas será que os que fazem isso estão errados? Talvez tenham vulgarizado a palavra amore tal, mas será que realmente estão errados e erradas?

    ResponderExcluir
  4. Sim, você é de outro mundo

    ResponderExcluir