segunda-feira, 3 de setembro de 2012

"Então, você não vai terminar comigo?"


Prologo
Não existe! Esta é uma estória verdadeira. Não se sabe quando, nem onde os fatos são narrados.

Capitulo 1
A barba
Mark estava em uma viagem de pensamentos, enquanto seu namorado (mais velho) via tv. Ele tinha muito trabalho a fazer naquela semana. Estava realmente exausto nos últimos dias e sabia que Albert poderia ajudá-lo a terminar logo o seu livro, mas poxa, isso é um monte de trabalho para uma pessoa só fazer. De qualquer forma ele estava pensando "por que Albert tinha que usar aquela barba?". Porque aquela barba, isso realmente não era atraente, de forma alguma. O elogio ao cabelo bem penteado realmente não desculpou a critica que Mark fizera sobre a barba na semana passada. Albert apenas balançou a cabeça e não disse nada."Nós precisamos conversar, Albert." Mark disse, abaixando o volume da tv."Sobre o quê?", Albert perguntou assustado."Você vai terminar comigo? Diga-me o que é logo!" Mark respirou fundo e olhou para seu namorado em estado de choque. "Não! ... Quer dizer, talvez ..", disse Mark com um sorriso atrevido. "O que?" A voz de Albert ficou trêmula, o que foi muito cômico e novo para Mark. "Ok, primeiro acalme-se homem." "Como posso me acalmar se meu namorado está acabando comigo agora?!" Ele gritou, respirando fundo. "Me deixa terminar, por favor?"Mark revirou os olhos e continuou: "Eu só estou tentando dizer que você realmente precisa fazer a barba!"disse ele seco e direto. "Então, você não vai terminar comigo?" Albert soltou um longo suspiro. "Não, é claro que eu não vou! Eu não vou te beijar, até esta coisa...!" Ele apontou para barba de Albert "sair de seu rosto!" "Credo! Você nunca reclamou nada sobre isso. Então, o que há de errado com a minha barba?" Agora foi a vez de Mark suspirar. "Você parece um mendigo!" Ele deixou escapar. Por um tempo, eles simplesmente ficaram em silêncio. Mark estava prestes a dizer mais besteiras, mas Albert apenas se levantou e foi até o banheiro, batendo a porta. Mark ficou no sofá e esperou o "menino" mais velho voltar. Alguns minutos depois Mark estava sem palavras ao ver Albert sentar-se ao lado dele sorrindo. "Beije-me?"Albert pediu, uma vez que a barba tinha sido aparada. "Sim, eu adoraria", Mark disse espantado, e inclinou-se para beijar seu namorado agora muito mais bonito. "É estranho sem ela", disse ele, passando a mão para cima e para baixo no seu rosto agora sem barba. "Eu acho. Mas você parece muito mais sexy, sem ela, você sabe disso?", Disse Mark impertinente. "Obrigado. Mas você é muito mais sexy do que eu, agora, nestes jeans apertado." Novamente Albert inclinou-se e beijou o menino mais novo, mas desta vez com mais paixão e fogo, mas ao mesmo tempo doce e calmo. "Eu te amo", Mark respirou entre beijos. "Eu também te amo", disse Albert.

2 comentários: