sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Processo de "Gaynerizacão" completo...

Um dia, quando era criança, ouvi a vizinha dizendo pro meu amiguinho "filho você não pode mais brincar com este menino..." O menino sem entender a maldade da mãe "mas por que mãe?"  Ela só resmungou perto dele "porque este menino é estrainho!" Mesmo sendo tão jovem, eu já tinha entendido o que ela queria dizer. Naquele dia perdi meu melhor amigo por ser estranho... Até hoje (ás vezes) me sinto estranho! (Todos devem entender como é sentir-se ao passar anos negando suas próprias verdades mais profundas. Negar o que há em seus corações. Chega de fingir que você é uma boa pessoa, faz boas ações, tem bons costumes, faz serviços sociais e vai a  igreja, se em alguns momentos sai de sua boca palavras que brutaliza sua alma).

Nenhum comentário:

Postar um comentário