quarta-feira, 8 de maio de 2013

"Tudo o que eu aprovo, faço propaganda III"

Estou divulgando aqui o Projeto "HOMENS DE SALTO"*                                   (Curtam no Facebook*)

Descrição:
O projeto nasceu de um fato de agressão em um terminal da cidade de Cascavel - PR *, de um jovem de 19 anos. Ele foi brutalmente espancado por causa de sua orientação sexual e por usar saltos. O projeto 'Homens de Salto' trata-se de um ensaio fotográfico com homens usando salto em lugares populares de Cascavel - PR e é um protesto contra a ignorância, preconceito, homofobia e machismo. Além de ser uma importante quebra de tabu ao trazer a verdadeira história e a origem do salto na humanidade. O resultado do material comporá uma exposição. A exposição também aceitará trabalhos de internautas e homens residentes em Cascavel que, compreendendo o sentido do manifesto, nos enviarem fotos usando salto-alto.
Data e local de exposição:
Abertura dia 07 de junho de 2013 ás 20hrs na Sala Verde, hall da Biblioteca Pública e da Secretaria de Cultura de Cascavel - PR. Aberta à visitação até 28 de junho de 2013.
(Para saber mais clique "Homens de Salto"*).

O que o Gato Preto aqui acha:

Leitores, fiquei revoltadíssimo e indignado quando li a reportagem* sobre o garoto que sofreu as agressões. Queria dizer aqui que eu também sou diferente igual á todo mundo. Me acho diferente de todos. Acho que tenho qualidades sim, mas que também tenho defeitos. E nem por isso, saio julgando as pessoas, só por serem diferentes iguais á mim. Mesmo que você seja contra, não há como fugir da diferença. Somos parte de uma sociedade eminentemente visual. Quando chegamos a qualquer lugar, antes de termos chance de falar ou até mesmo de sorrir, já fomos avaliados pela nossa indumentária. Essa primeira impressão permanece no subconsciente da outra pessoa. É ela que determinará a qualidade do conceito e do prestígio que agregaremos à nossa “marca pessoal” e, se for o caso, também acabamos sendo confundidos com o que não somos, tudo por causa destes estereótipos físicos e visuais que indivíduos de uma sociedade arcaica criam. Eu não entendo o porque algumas pessoas se sentem incomodadas com a diferença e reagem com tanto ódio, indiferença, violência ou preconceito! Fica aqui a minha solidariedade e indignação. Espero que providências sejam tomadas e a justiça seja feita.

OBS: Não sou adepto ao salto, mas como protesto resolvi "subir" em cima de um. Resultado: a foto* acima e um pé torcido*!

Nenhum comentário:

Postar um comentário